AdSense

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

ERGUENDO O VÉU DO FUTURO

Antes que o pecado entrasse no mundo, Adão vivia em plena comunhão com seu Criador.
Porém, desde que a humanidade se separou de deus pela transgressão, ela ficou privada desse grande privilégio.
Através do plano da redenção, contudo, foi aberto um caminho pelo qual os habitantes da Terra podem ter ligação com o Céu.
Deus tem Se comunicado com os seres humanos por meio do Seu Espírito; e a luz divina tem sido comunicada ao mundo pelas revelações feitas a Seus servos escolhidos. 
" Homens (santos) falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo" (2 Pedro 1:21).

Deus Se alegra em comunicar Sua verdade ao mundo através de agentes humanos, e Ele mesmo, por Seu Santo Espírito, qualificou pessoas e as habilitou a realizar essa obra.
Ele orientou na seleção daquilo que deveria ser falado e escrito.
O tesouro foi depositado em vasos terrestres, mas ainda assim continua sendo de origem celestial.
O testemunho é apresentado através da imperfeita expressão da linguagem humana, mas não deixa de ser o testemunho de Deus.
O obediente e confiante filho de Deus contempla esse testemunho na glória do poder divino, cheio de graça e de verdade.
Em Sua Palavra, Deus concedeu aos seres humanos o conhecimento necessário à salvação.
As Escrituras Sagradas devem ser aceitas como autorizadas e infalível revelação de Sua vontade.
Elas são o padrão do caráter, o revelador das doutrinas, a pedra de toque da experiência religiosa.
"Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra" (2 Tm 3:16,17).

Extraído do livro O Grande Conflito
Ellen White
Casa Publicadora Brasileira